“Todo o poder de Satanás é com a permissão” de Deus, diz pastor John P

02/06/2019

Em mais um capítulo do seu programa de rádio “Pergunte ao Pastor John“, o pastor americano John Piper respondeu a pergunta de um ouvinte que desejou saber qual seria o tamanho do “poder de Satanás” sobre o mundo.

A indagação do ouvinte parte de um dos assuntos mais delicados na teologia cristã, mas que o pastor Piper soube explicar de forma simples – de acordo com a sua perspectiva – o motivo pelo qual Satanás consegue exercer o mal no mundo.

“Em Mateus 4: 9 e em Lucas 4: 6 , de que autoridade Satanás está falando? Ele está mentindo que ele tem autoridade para dar? Ou ele realmente tem autoridade sobre a terra? Se sim, o que é isso, e como isso se relaciona com a completa soberania de Deus sobre todas as coisas?”, perguntou o ouvinte.

“Minha primeira resposta é que, se Jesus adorasse a Satanás, naturalmente Jesus teria abdicado de sua autoridade divina. Ele teria deixado de ser Deus. Se ele estivesse adorando o diabo, ele não seria Deus. O diabo seria Deus. Satanás então lhe daria o mundo inteiro e ainda controlaria o mundo porque Jesus não seria Deus”, disse Piper.

“Ele [Jesus] seria o lacaio de Satanás. Tudo isso, é claro, não aconteceu e não pôde acontecer. Satanás, como sempre, era um tolo para sugerir isso. Ele é um idiota. Ele está sempre dizendo coisas estúpidas”, acrescentou o pastor, explicando em seguida a razão pela qual tal destino não poderia acontecer.

“Observe as palavras de Lucas 4: 6 . Satanás não é a autoridade suprema no mundo porque, em Lucas 4: 6 , ele admite isto: ‘A ti darei toda esta autoridade e sua glória, porque me foi entregue ‘. Por quem? Deus”, diz Piper, argumentando que o poder de Satanás sobre a terra foi uma consequência do pecado humano em desobediência a Deus.

“Em sua soberania, Deus considerou sábio, como parte de sua maldição sobre o mundo após a queda de Adão e Eva, dar a Satanás um enorme poder neste mundo”, explica o pastor. “Mas ele não tem poder supremo”, acrescenta, explicando que o poder de Satanás é insignificante diante de Deus.

“Nós não somos dualistas. Nós não achamos que Deus e Satanás estão lutando pelo poder no universo. Deus é Deus, não Satanás. Satanás não é Deus. Todo o poder de Satanás é com permissão. Ele não tem autonomia para fazer algo que Deus não permita para propósitos infinitamente sábios”, conclui Piper, segundo o Desirin Ggod.

Fonte: Gospel Mais

0 Comentários

Adicione um comentário

Aplicativos


 Locutor no Ar

Virtual DJ

Piloto Automático

Peça Sua Música

Name:
E-mail:
Seu Pedido:


Top 5

01.

Anderson Freire

Raridade

02.

Juliano Son

Lindo És - Só quero ver Você

03.

Aline Barros

Casa do pai

04.

Anderson Freire

Acalma o meu coração

05.

Aline Barros

Ressuscita-me

Anunciantes